terça-feira, 16 de junho de 2009

Sacolas mais ecológicas para as compras


Você sabe o que é uma sacola plástica oxibiodegradável? Na aparência, ela é igual às demais sacolas de supemercado comuns, mas recebe um aditivo químico que faz com que se decomponha em aproximadamente 18 meses quando exposta a sol, calor, umidade e à ação de microorganismos. Já a sacola comum leva de 100 a 200 anos para ser completamente degradada.

Essa é a solução que algumas redes de supermercados em diferentes cidades do país têm adotado para reduzir seus impactos no meio ambiente. Sorocaba, no interior de São Paulo, já aderiu à novidade, assim como Maringá, no Paraná. No entanto, especialistas dizem que essas sacolas continuam causando danos ao meio ambiente.

Com o objetivo de combater o desperdício de sacolas plásticas, a rede Pão de Açúcar adotou o uso de sacolas mais resistentes, evitando a necessidade de usar dois ou três sacos sobrepostos para carregar um mesmo volume. Com isso, a rede espera reduzir em até 20% o número de embalagens que circulam em suas lojas neste ano. Além disso, as novas sacolas podem ser reutilizadas e também entregues para reciclagem em unidades da própria rede.

No entanto, as sacolas de pano retornáveis ainda são a melhor opção para levar as compras para casa, embora consideradas pouco práticas pela maior parte dos consumidores. Só elas conseguiriam retirar das ruas os cerca de um bilhão de sacos plásticos que circulam por ano nas grandes cidades. Estima-se que cada família utilize por ano 66 sacos por mês, descartando no lixo 40 quilos de plástico por ano.

Além de ajudar a evitar o descarte de grande quantidade de plástico no meio ambiente, as sacolas retornáveis têm mais uma grande vantagem: por terem um tamanho limitado, contribuem para manter a lista de compras apenas nos itens realmente necessários a cada ida ao supermercado. E comprar apenas o necessário reduz o desperdício de comida e de dinheiro. E quando você precisar realmente fazer uma compra grande -- e, nesse caso, usar o carro para carregar os produtos até em casa --, peça aos empacotadores que coloquem as mercadorias dentro de caixas de papelão. Pelo menos esse material é reciclável.

Fontes: Funverde, Planeta Sustentável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário