sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Papel para usar e plantar


Uma idéia criativa de reaproveitamento de resíduos vem sendo desenvolvida por algumas organizações e empresas brasileiras: o papel semente. Feito de forma artesanal, a partir de aparas e de papel descartado por indústrias, o material recebe, durante o processo de reciclagem, sementes de flores e temperos. Assim, depois de usado, basta molhá-lo, picá-lo e plantá-lo em algum local com terra adubada. Assim, em vez de lixo, o papel semente vira lindos canteiros no jardim ou dentro de casa.

O material é perfeito para produzir brindes, envelopes, crachás, embalagens, cartões, folders, etiquetas para roupas e outros produtos de papel que normalmente são descartados depois de pouco tempo de uso. Para saber mais, vale entrar nos sites das empresas que fabricam o papel semente: Instituto Papel Solidário, Papel Semente e Grupo Eco.

Um comentário:

  1. eu achei munto legal mas gostaria de receber umas 100 folhas de papel semente bem grandes para ver se funciona mesmo [que no caso são amostras grates]

    ResponderExcluir