terça-feira, 22 de setembro de 2009

Você deixaria o carro em casa se o transporte público fosse melhor?


A maioria dos paulistanos afirma que sim, deixaria de usar o carro se o transporte público fosse mais eficiente. Esse foi o resultado da 3ª edição da pesquisa Mobilidade em São Paulo, realizada pelo Movimento Nossa São Paulo com o apoio do Ibope.

De acordo com o trabalho, os paulistanos compraram mais carros em 2009 - 50% dos entrevistados afirmam ter um ou mais veículos em casa, 13 pontos percentuais a mais que no ano passado. Desse total, 29% usam os veículos diariamente. Apesar de ter crescido o número de pessoas com carro, também aumentou o número de paulistanos que utilizariam o transporte público em lugar do automóvel caso houvesse mais alternativas à disposição - 78% do total. E 71% dos entrevistados reclamam do trânsito na cidade, considerando-o ruim (24% do total) ou péssimo (47%).

A pesquisa também revelou que o paulistano gasta, em média, 2 horas e 43 minutos para se deslocar pela cidade diariamente. Na opinião dos entrevistados, o trânsito é uma das áreas mais problemáticas da cidade (38%), ficando atrás apenas da saúde (65%) e da educação (41%). Por isso, cerca de dois terços dos entrevistados preferem que os investimentos públicos nos próximos anos tenham como foco o transporte público. Entre as soluções sugeridas para melhorar a situação do trânsito e da mobilidade em São Paulo, estão a construção e a ampliação das linhas de metrô e trem e ampliação dos corredores de ônibus.
Se você concorda com a maioria dos paulistanos, que tal aproveitar o Dia Mundial sem Carro e pelo menos hoje deixar o carro em casa?

Nenhum comentário:

Postar um comentário