sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Lavar calçada com água limpa NÃO!


Apesar de todo mundo saber que não se deve usar água limpa para lavar calçadas - em algumas cidades existe até multa para quem fizer isso -, muita gente insiste em cometer esse pecado ambiental.

Ao levar minha filha para a escola, presenciei um crime ainda maior: um mesmo condomínio - situado na esquina da rua Piauí com a rua Bahia, no bairro de Higienópolis, em São Paulo - colocou seus funcionários para lavar as calçadas com mangueira, isto é, usando água corrente limpa, três vezes na mesma semana! E em uma semana de chuva quase todos os dias! O pior é que certamente a grande idéia não foi deles. Eles devem ter sido orientados ou pelo zelador, ou, mais provavelmente, pelo síndico a fazer isso.

De acordo com o Instituto Akatu pelo Consumo Consciente, o hábito desse condomínio leva ao desperdício de aproximadamente 310 litros de água por lavagem. Parece pouco, mas sabe o que representa esse gasto? Se 1 milhão de residências ou prédios deixassem de lavar as calçadas por um único dia, sobraria água suficiente para abastecer a população da cidade de São Paulo no mesmo período.

As calçadas não precisam ser lavadas, apenas varridas. Caso a sujeira esteja incomodando demais, deve-se usar a água que sobra de outras lavagens, como de roupas, ou água da chuva. Teoricamente todo mundo sabe disso e diz ser contra o desperdício, mas na prática, como se vê, a realidade é outra. Infelizmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário