terça-feira, 20 de outubro de 2009

Novo CD de Ney Matogrosso é neutro em carbono


O novo CD de Ney Matogrosso, Beijo Bandido, que acaba de ser lançado, traz uma novidade, além das belas músicas do repertório do cantor: o selo Prima Mudanças Climáticas. Concedido pela ONG Prima - Mata Atlântica e Sustentabilidade, o selo certifica que a produção do CD teve suas emissões de carbono compensadas. No caso, as cerca de 600 toneladas de carbono geradas no processo foram neutralizadas por meio do plantio de mais de 100 mudas de espécies nativas da Mata Atlântica, no sítio do próprio Ney, em Saquarema (RJ).

Beijo Bandido é o primeiro CD no Brasil a compensar os impactos ambientais de sua produção. Mas não é a primeira incursão de Ney Matogrosso na área de sustentabilidade - seus últimos shows já tinham suas emissões compensadas da mesma forma.
Para calcular a quantidade de carbono emitida na produção do CD, a Prima levou em conta, entre outros fatores, a energia elétrica gasta nas gravações e na confecção dos CDs e o gasto de combustível nas atividades de transporte de materiais e de distribuição dos discos em todo o país. Tomara que outros artistas adotem a ideia de Ney Matogrosso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário